segunda-feira, 22 de fevereiro de 2010

sábado, 20 de fevereiro de 2010

RABIOSQUE FDS


MAMOCAS FDS


NECA JANJORGE À PRESIDÊNCIA DA ADMINISTRAÇÃO DA GOLDEN OF SHORE DO MORENOFAZMESMO, AGAIN!!!

No auge das suas capacidades são reconhecidas as suas aptidões na irradicação da praga dragoniana, conforme comprovam os escalpes dos ditos cujos na couraça morena da sua pele. As suas origens vianesas estão-lhe no sangue, daí a sua multiculturalidade extrovertida e colorida do seu asseado atavio e na forma como dá os seus préstimos artisticos e musicais no rancho folclórico "As vianesas de Viana" como tocador de excelência de Cavaquinho.

Guerrilheiro do Movimento Reorganizativo do Morenofaz Again.

A sua especialidade é o passedoble nas danças de tauromaquia e a souplesse com que rodopia e faz o flick flack com salto à rectaguarda na frente do pobre e atónito animal.

sexta-feira, 19 de fevereiro de 2010

preconceptu amacacado

Um grupo de cientistas colocou cinco macacos numa jaula, em cujo centro puseram uma escada e, sobre ela, um cacho de bananas.
Quando um macaco subia a escada para apanhar as bananas, os cientistas lançavam um jacto de água fria nos que estavam no chão.
Depois de certo tempo, quando um macaco ia subir a escada, os outros enchiam-no de pancada.
Passado mais algum tempo, mais nenhum macaco subia a escada, apesar da tentação das bananas.
Então, os cientistas substituíram um dos cinco macacos. A primeira coisa que ele fez foi subir a escada, dela sendo rapidamente retirado pelos outros, que lhe bateram.
Depois de algumas surras, o novo integrante do grupo não subia mais a escada.
Um segundo foi substituído, sucedendo o mesmo, tendo o primeiro substituto participado, com entusiasmo, na surra ao novato.
Um terceiro foi trocado, e repetiu-se o sucedido.
Um quarto e, finalmente, o último dos veteranos foi substituído.
Os cientistas ficaram, então, com um grupo de cinco macacos que, mesmo nunca tendo tomado um banho frio, continuavam a bater naquele que tentasse chegar às bananas.
Se fosse possível perguntar a algum deles porque batiam em quem tentasse subir a escada, com certeza a resposta seria: "Não sei, as coisas sempre foram assim por aqui...em Couce"
In a Simiofagia Antropofágica Humana 

quinta-feira, 18 de fevereiro de 2010

Sim! E eis que passou um ano!
Um ano de sorrisos, risos e gargalhadas!

Amigos, por este ano que passou em mim guardarei um pedacinho de cada um de vós...


Beijinhos

Parabéns, Quim Tóne.

Obrigado pela tua participação no morenofaz!

quarta-feira, 17 de fevereiro de 2010

PARABÉNS, MORENOFAZ!...

NO MEIO DE TANTA EFEMÉRIDE (DIA MUNDIAL DAS ZONAS HÚMIDAS, DIA DOS NAMORADOS, CARNAVAL...) PARECE QUE NINGUÉM SE LEMBROU DO PRIMEIRO ANIVERSÁRIO DO NOSSO QUERIDO BILOGUE.

PARABÉNS (ATRASADOS) A NOZES, AUTORES, SEGUIDORES, COMENTADORES E DEMAIS VISITANTES!

ABAIXO O NEO FAZ CISMO, 5 DE FEVEREIRO SEMPRE!

Euphorbia helioscopia


As eufórbias são prova de que existe um mundo exterior à nossa consciência colectiva que exibe uma ordem e uma sabedoria, digamos, que transcende a experiência humana e a cultura matemática. E é à nossa criatividade que se impõem estes padrões vegetais, que não são invenção nossa. Atentemos, por exemplo, na inflorescência de Euphorbia helioscopia.
As flores são verdes mas de um tom alface que as destaca da folhagem. Cada estrutura floral tem uma flor feminina e várias masculinas, reduzidas aos orgãos essenciais que vivem dentro de um invólucro de brácteas (iguais às folhas) que é encimado por glândulas amarelas. Mas o aspecto vistoso, globular, da cimeira é obtido por duplicação destes invólucros até ao do topo onde a flor se instala, princípio que os artesãos russos usam nas matrioskas. O resultado é uma pista de aterragem apelativa onde sobressaem pingos de néctar que brilham ao sol.
É um alívio acreditar que, se a humanidade desaparecer, o universo mantém em exibição coisas verdes, quadradas, redondas, espiraladas, bonitas, boas - e que os teoremas de matemática continuam válidos.

sábado, 13 de fevereiro de 2010

DO OUTRO LADO DA FRONTEIRA

Os anúncios são coisa recente na Dinamarca (durante muito tempo foram proibidos na Dansk Radio, tanto na rádio como na televisão), e desde que começaram a ser permitidos, por alturas da queda do Muro de Berlim, ficaram conhecidos por serem amalucados, longos e meio pirosos. Este, que já esteve (por pouco tempo) no Youtube (até ser retirado, vá-se lá saber por quem), é considerado dos melhores de sempre.

Qual deles é a mula do Vicente? E qual é o burro do Mateus da Ponte? Há ou não há dimorfismo sexual nas mulas?! E nos burros?!

RABIOSQUE FDS




MAMOCAS FDS




quinta-feira, 11 de fevereiro de 2010

segunda-feira, 8 de fevereiro de 2010

yoko matsugane


Birthdate: May 26, 1982 (1982-05-26) (age 25)


Birth location: Ibaraki Prefecture, Japan

Measurements: 95-(Metric H-cup)-58-88(cm)

37-23-35(inch) 32E (U.S.) bra

Height: 1.63 m (5 ft 4 in)

Weight: 46 kg (100 lb/7.2 st)

Eye color: Brown

Hair color: Brown

Natural breasts: Yes

Blood Group: B

Orientation: Heterosexual

Ethnicity: Japanese

Tlm: 919727363

domingo, 7 de fevereiro de 2010

Para toda a semana! - Nova Rubrica


Me liga!

novecentos e treze milhões, quinhentos e quarenta e seis mil e vinte e três
TÔ TE ESPERANDO, RIQUEZA!

Tonas para o início da semana - Nova Rubrica


Tones para o início da semana - Nova Rubrica


Periquita ou Piriquita? A escolha é tua!

Maminhas FDS

mais dois calipigios jeitosos - alça Joly! Piruças, vien ici faire xixi.

Calipigios...

montainbike

Couçana acometida de Nipómania na época da Filoxera ...contrastes atravessados.

Descobre as semelhanças

quarta-feira, 3 de fevereiro de 2010

«Divórcio» de cisnes

Um “divórcio” entre um casal de cisnes foi observado na reserva de Slimbridge, no Reino Unido, e está a intrigar os especialistas na medida em que estas aves são conhecidas por manterem um único parceiro por toda a vida.
Esta é a segunda vez que, ao longo de quatro décadas, tal facto é verificado entre os mais de quatro mil casais de cisnes que passaram por aquela reserva, sendo que os veterinários descreveram a situação como “bizarra”

Espargata

A leoparda

Melão Melão Melão

Rabiosques de Semana

A Zorra

Com a abertura da central eléctrica de Massarelos, o carvão era fornecido das minas de São Pedro da Cova por meio de eléctricos especiais chamados zorras. No entanto, as zorras eram tabém usadas para levar o carvão para outros utilizadores tais como a fábrica do gás e a estação de comboios de Campanhã.

Originalmente estes eléctricos tinham plataformas completamente abertas. Quando chovia, o guarda-freio usava um impermeável preto e chapéu, botas e luvas de protecção. Mais tarde, as plataformas foram fechadas.
A designação zorra já era utilizada desde os tempos dos carros de tracção animal para os carros de mercadorias abertos.  Provavelmente a maioria deste carros foram usados mais tarde como atrelados para os mais variados fins, tais como o transporte de peixe ou de areia.

terça-feira, 2 de fevereiro de 2010

Bico de Bunsen

Que a luz desta chama ilumine a mente de todos os botas de elástico e esquente o rabiosque dos demais ordenhadores déficit(ários) destas terras de Couce, à beira-rio implantado!
Post Scriptum: foi com inusitada alegria que a mula do Vicente recebeu a boa nova no telejornal relativa ao subsidio de nascimento para bébés, pois doravante vai fazer da sua prenhez o seu modo de vida e contribuir para a continuidade dos da sua espécie, tendo já conta aberta no banco da Serra da Pia&Belôi-Socieda$dá$me$o$teu, pelo que os burros da zona não cabem em si de entusiasmo. As vaquinhas preparam também já uma explosão demográfica em massa... Já as cabras, essas ficaram mais realistas e renitentes depois de lerem a história do piqueno Saúl, aquele do bacalhau qu´eralho.